Menu

[Resenha] Garotas de Vidro — Laurie Halse Anderson

Garotas de Vidro é o quinto e mais recente livro de Laurie Halse Anderson voltado para o público jovem, mas o primeiro a ser trazido para o Brasil. Mal tinha saído do forno e já era um best-seller do The New York Times. Apesar da aceitação, o livro mais conhecido de Laurie é seu primeiro, Speak, que ganhou uma adaptação cinematográfica conhecida por aqui como O Segredo de Melinda, com Kristen Stewart interpretando Melinda.

Lia, 18
anos, é uma garota gelada. Antes, eram ela e Cassie, mas agora aquela que fora
sua melhor amiga durante anos, independentemente da briga que as manteve
separadas nos últimos meses, está morta. E embora o corpo de Cassie tenha sido
encontrado sem vida num quarto de motel, ela ainda não deixou Lia. Ela ainda pensa a todo momento nas nas tentativas de Cassie de pedir ajuda: trinta e três
ligações que não foram atendidas. Agora, além de ser a mais magra, o que a faz vencedora da aposta feita com a amiga, Lia é também a garota que, diferente dos outros, vê o quanto é
gorda e nojenta, que está cada vez mais perto de ter o mesmo destino de Cassie,
cada vez mais longe da realidade, cada vez mais fraca, doente, perdida.
Se tem uma coisa que não posso dizer é que essa leitura me deixou confortável. Isso, claro, é um ponto positivo, pois significa que ele foi capaz de mexer comigo. Por ser narrado em primeira pessoa, o que sempre me dá a impressão de estar dentro da cabeça do personagem, tive que abrir minha mente e me permitir considerar o ponto de vista de Lia, deixando adormecer um pouco minha própria opinião. Aos poucos, fui me envolvendo mais e mais. Se tem uma coisa que posso dizer dessa leitura é que gostei da experiência.

E aqui está uma garota com uma faca na mão. Há gordura
sobre o fogão, sangue no ar e palavras cheias de raiva amontoadas pelos cantos.
Somos todos treinados para não ver nada disso. Nada mesmo.
…corpo encontrado em um quarto de motel,
sozinho…

A história
de uma garota que sofre de anorexia nervosa não poderia mesmo ser algo feliz ou
bonito de se ver, então foi não foi alguma surpresa Garotas de Vidro passar longe de ser assim. Ele é um tanto quanto confuso, especialmente no início; as palavras se embaralham, são riscadas e trocadas. Lia, que desistiu de tentar se relacionar com a mãe e foi morar com a nova família do pai, chegou a um estado em que o resto do mundo está ficando em segundo plano. Embora ela chegue a ser vista pelos outros como egoísta e insensível, vi uma garota que perdeu o controle da situação e a entendi.
Considerei todos os personagens bastante humanos. Alguns deles, ainda que aparecessem menos, me divertiram e garantiram alguns momentos um pouco mais leves. Outros, porém, chegaram a irritar por não conseguirem enxergar os erros que estavam cometendo. Algumas situações também me pareceram um pouco forçadas, mas no geral elas se encaixaram bem.
Garotas de Vidro mostra o quanto é difícil travar uma batalha consigo mesmo e que, às vezes, apenas querer melhorar não é o bastante. Não acho que a história seja de superação, mas um pouco da realidade do caminho percorrido até uma melhora. Esse é o tipo de livro que admiro e sei que uma releitura não demorará muito.

Título original:  Wintergirls
Editora: Novo Conceito
Número de páginas: 272
ISBN: 9788581630113

40 Comentários

  • Gabi
    17 de junho de 2012 at 18:43

    Adoro esse tipo de livro, realmente mexe com a gente. Já estava super curiosa, e sua resenha me deixou ainda mais. As batalhas contra nós mesmos, na minha opinião, são sempre as mais difíceis. Apesar de amar uma fantasia, também adoro uma boa dose de realidade.

    Ótima resenha, kim!
    Beijitos

    Reply
  • Luara Cardoso
    17 de junho de 2012 at 19:53

    Gosto quando autores conseguem transmitir humanidade nos seus personagens, essa é uma característica que eu prezo muito.
    Esse livro parece ter uma carga dramática bem pesada, então estou dando um tempo, me preparando para pegá-lo.

    Um beijo,
    Luara – Estante Vertical

    Reply
  • Esmalte de Morango
    18 de junho de 2012 at 21:23

    Oi Kim!
    Eu sinceramente, fiquei bastante perturbada com esse livro, não em um sentido horrível da coisa, mas em um sentido totalmente bom.
    Foi angustiante ler Garotas de Vidro, mas não pude deixar de não gostar dessa obra.

    ps. aquele final quase me matou. rs

    Beijão, Meire
    http://manialiteraria.blogspot.com/

    Reply
  • Effy
    19 de junho de 2012 at 02:17

    Oi Kimberly!
    Eu já assisti O silêncio de Melinda e gostei, não sabia que tinha sido de um livro. Estou para começar a ler este livro.Adorei a capa e apesar do enredo ser denso, acredito que essa foi uma das formas para enviar uma mensagem até as pessoas que têm alguma relação ao tema proposto. Pelo visto é da autora, pois no filme Speak há um tema no sentindo de "denuncia"..

    Espero poder começar ler logo..
    Beijos
    Ensaios de uma Leitura

    Reply
  • Rafaela.
    19 de junho de 2012 at 18:35

    Kim! A sua resenha mexeu comigo. Pela sinopse, eu tive uma ligeira impressão de que seria uma história forte e marcante, mas não tanto assim!
    Fiquei muito curiosa!
    Além do mais, a capa é linda.
    Excelente resenha, amiga.

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br

    Reply
  • Vigilante Negro
    19 de junho de 2012 at 23:53

    bela resenha, envolvente e emocionante, logo que li corri atras do livro, é realmente envolvente sua resenha, me levou a ler o livro, e não me decepcionei…. bom trabalho

    Reply
  • Luana
    20 de junho de 2012 at 12:28

    Adorei a sua resenha Kim, mas a verdade é que eu me incomodei bastante com o jeito que o livro foi escrito, não consegui me acostumar, e foi uma pena, entretanto eu achei o livro muito bom, fiquei bem curiosa e até pesquisei um dos blogs daqueles tipos de blogs "secretos" que ela cita no livro, e confesso que fiquei horrorizada como a forma que a autora falou que a Lia se sentia era real!

    beijos, Lu
    Lendo ao Luar

    Reply
  • Jessica Rocha(jesse)
    21 de junho de 2012 at 11:18

    Caramba choquei agora,não sabia que o silêncio de Melinda,era baseado nesse livro Speak,já assisti esse filme várias vezes,pois adoro a atuação da Kristen.
    No skoob a sinopse desse livro garotas de vidro,não revela absolutamente nada sobre a história,para mim era sobre outra coisa completamente diferente!!
    beijos.

    http://livrosobaluzdalua.blogspot.com.br

    Reply
  • Lívia Dias
    22 de junho de 2012 at 20:51

    Adoro esse livro,a temática é boa,a história parece que se desenvolveu bem,e ele não entra naquela lista de capa bonita,sem conteúdo! Antes não sabia que se tratava desse assunto,mas lendo algumas resenhas e essa sua,vi o quanto o livro é bom! 🙂

    Reply
  • Yara Andrade
    22 de junho de 2012 at 21:01

    Adorei a sua resenha. Eu estou muito ansiosa para ler este livro, ele parece ter uma estória muito interessante.
    Beijos.

    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    Reply
  • Thamires Lacerda
    22 de junho de 2012 at 22:35

    Amei a sua resenha, o que me deu mais vontade ainda de ler esse livro!

    Reply
  • Stéph
    23 de junho de 2012 at 01:18

    Adorei a resenha, parabéns. Queria ler muito esse livro. Quando o vi pela primeira vez e li a sinopse, imaginei algo bem diferente. Realmente não imaginei que tratasse de um assunto tão sério, mas depois disso fiquei mais curiosa ainda para ler.
    Beijos, Stéphanie.
    http://vidadaleitora.blogspot.com.br/

    Reply
  • Thais de Lima
    23 de junho de 2012 at 12:29

    Amei a resenha, já queria ler o livro e essa resenha me deixou mais ansiosa. Parabéns.

    Reply
  • Caíque Fortunato
    23 de junho de 2012 at 12:38

    Gostei muito da sua resenha, a Novo Conceito como sempre lançando ótimas obras em seu catálogo. Achei a capa muito bonita e ao mesmo tempo coerente com o enredo, o que não gostei tanto foi da tradução do título.

    Abraços
    http://entrepaginasdelivros.blogspot.com/

    Reply
  • La Petite
    23 de junho de 2012 at 15:49

    Olá!

    Estou meio na dúvida se leio ou não este livro. Tinha dado uma olhada na sinopse e, embora tenha chamado a atenção, não conseguiu tirar uma certa confusão da minha cabeça. Deve ser porque, como você mesma falou em sua resenha, o início é meio confuso e isso deixa as coisas um pouco mais difíceis. Mas vou dar uma chance e colocarei o livro na minha lista.

    Bjins

    http://www.dicasoutravessuras.blogspot.com

    Reply
  • Unknown
    24 de junho de 2012 at 17:46

    Boa resenha.

    Reply
  • Clair mendes
    25 de junho de 2012 at 11:51

    Adorei a resenha, mais vontade de ler ainda (:

    Reply
  • Mylla Stefany
    25 de junho de 2012 at 18:50

    A capa desse livro é linda! Estou com muita vontade de comprar. Mesmo se eu nao gostar nao vou ter coragem de trocar, vou deixar enfeitando a estante! rsrsrs.

    Beijos
    http://myllokasecret.blogspot.com.br/

    Reply
  • HaaH
    25 de junho de 2012 at 22:29

    Gostei @_@' -voulutarpraganharapromoção-

    Reply
  • Daniela
    26 de junho de 2012 at 03:24

    Se o livro for tão quanto a resenha posso dizer que vai ser um dos melhores da autora, pretendo ler oo mais breve o possível…

    Reply
  • Thais Mend
    26 de junho de 2012 at 17:28

    super me interesso por esse livro, amei o tema dele

    Reply
  • Tayane Cristie
    26 de junho de 2012 at 18:00

    Um livro que me chamou a atenção primeiramente pela capa, mas depois que li a sinopse, vi que não era nada do que eu imaginava. Ainda assim me interessei bastante e não vejo a hora de lê-lo.
    Amei a resenha.
    Beijos!
    http://lereaminhapraia.blogspot.com.br/

    Reply
  • Vaneza Raysila
    26 de junho de 2012 at 18:14

    Parabéns pela resenha, estou com mais vontade de ler este livro.
    Ja esta na minha lista de desejados do skoob.

    Reply
  • Biia Rodrigues
    27 de junho de 2012 at 01:07

    Devo dizer que esse é um livro que estou querendo ler desde que sobe do lançamento. Por mais que o livro me pareça ser bem "perturbador" acho que é uma visão que ainda assim fico interessada em ver, por ser narrado em primeira pessoa.

    Beijos :*
    http://pepperlipstick.blogspot.com.br

    Reply
  • Daniele
    28 de junho de 2012 at 18:56

    Nossa, esse deve ser um livro bem marcante, só de ler sua resenha já estou impressionada e morta de vontade de ler o livro.

    Reply
  • cinthia oshiro
    29 de junho de 2012 at 00:52

    Quando vi esse livro pela primeira vez, eu achava que se tratava de um livro fantasia, sobrenatural, mas não tem nada ver =P. Interessante saber o que se passa na cabeça de um pessoa que sofre com problemas psiquiatro como bulia e anorexia.

    Reply
  • Mônica.
    29 de junho de 2012 at 01:05

    Quem nunca travou uma batalha consigo mesmo? Fiquei com muiiita vontade de ler este livro!

    Reply
  • Camilla
    29 de junho de 2012 at 23:39

    Preciso ler!

    Reply
  • hiis_
    1 de julho de 2012 at 02:18

    Adorei a resenha, já li o primeiro capítulo, já assisti 'O segredo de Melinda' e adorei tudo. quero MUITO esse livro *-*

    Reply
  • O Vazio na Flor
    1 de julho de 2012 at 18:53

    Um livro que foi muito bem aceito, apesar do tema abordado ser bem complicado né?
    Essa carga de sentimentos, conflitos tipicamente humanos que o livro traz, certamente é o que mais me fascina.
    Doida pra ler, ainda mais depois dessa resenha.

    Beijo

    Reply
  • Jhully Ruane
    1 de julho de 2012 at 20:06

    Amei a resenha Kimberlly, atiçou minha curiosidade! o livro parece ser bem interessante! *-*
    bjs

    http://leitorapaixonada19.blogspot.com.br/

    Reply
  • Mary E.
    3 de julho de 2012 at 16:29

    Se eu já estava querendo ler o livro só pela sinopse, com essa resenha eu estou necessitada de ler. Muito boa a resenha.
    Beijos.

    https://desventurasembooks.wordpress.com/

    Reply
  • Lunara
    4 de julho de 2012 at 17:19

    Simplesmente perfeito!

    Reply
  • Ana Caroline Lima
    4 de julho de 2012 at 22:39

    Gostei da história, e nunca li nenhum livro com essa autora.

    Reply
  • Karla CG
    5 de julho de 2012 at 00:10

    Vontade de ler ficou maior ainda depois dessa resenha, muito bom.

    Reply
  • cristiane
    7 de julho de 2012 at 22:30

    Que tema. Adorei esse livro pela tema que ele aborda e pelo que ele vai significar quando eu ler _ se conseguir né. Espero poder lê-lo também para ver como esse tema foi relatado. Porque é um que sempre tem o que dizer, não?

    Reply
  • Lorrine Leite
    8 de julho de 2012 at 14:23

    Tenho muita vontade de ler esse livro. Com certeza será uma leitura forte e emocionante porque o tema é muito importante.
    Deve ser incrível entender o que pensa essa garota, como ela se sente e enxerga a si mesma.
    Desejadíssimo!

    Reply
  • Elení Ribeiro
    11 de julho de 2012 at 19:39

    Que resenha mara, me deixou com vontade de ler o livroo!

    Reply
  • Dani Touzdjian Falasca
    12 de julho de 2012 at 11:02

    Só pela sua resenha já percebi que o livro faz o meu gênero de leitura e por isso estou participando do sorteio dele… Já passei por algo parecido com a situação da personagem, tirando a doença dela claro… ( anorexia nervosa ), mas moro com o meu pai que se casou recentemente, não me dou muito bem com a minha mãe, mas já estamos melhorando nisso, enfim… espero conseguir o livro para lê-lo… vlw… bjs

    Reply
  • Beatriz F. Bastos.
    12 de julho de 2012 at 15:49

    Eu já vi inúmeros comentários elogiando esse livro, mas admitindo que seja intenso, com uma narrativa marcante. O que só aumenta a vontade de ler. Eu tenho boas expectativas para esse livro, embora esteja preparada para partes mais "duras".

    Reply

Deixe seu comentário aqui: