Menu

[Resenha] A terceira vida de Grange Copeland, de Alice Walker

Pode comemorar: “A terceira vida de Grange Copeland” está entre nós! Primeiro livro de Alice Walker, vencedora do Prêmio Pulitzer de 1983 por “A cor púrpura”, a obra acaba de chegar ao Brasil pela primeira vez com a Editora José Olympio.

A história revela o cotidiano de uma família negra no Sul dos Estados Unidos, por três gerações. Oprimido pela estrutura racista do condado de Baker, o trabalhador rural Grange Copeland abandona família e amante para ganhar a vida no Norte, mas retorna, após passar por experiências transformadoras, decidido a nunca mais conviver com pessoas brancas.

Grange refaz sua vida, torna-se fazendeiro, mas tem que lidar com as consequências de suas escolhas no passado. Escrito com linguagem poderosa e precisa, o livro trata de violência – racial, social, familiar, contra a mulher -, mas também da força humana, capaz de mudar uma realidade inóspita por meio do amor e da ação no mundo.

Como pode uma família, uma comunidade, uma raça, uma nação, um mundo, ser saudável e forte se uma metade domina a outra por meio de ameaças, intimidações e atos reais de violência?

“A terceira vida de Grange Copeland” é um retrato claro, doloroso e perturbador do histórico de opressão vivido pela comunidade negra no sul dos Estados Unidados, que por sua vez impacta profundamente relações familiares. A violência cria raiz dentro das casas, molda personalidades e gera revolta enquanto a autora pinta personagens como em um quadro, permitindo que quem lê enxergue todas as nuances que dão complexidade a eles, sejam boas ou ruins.

Embarcar nessa viagem para a Georgia da década de 1940 bagunçar seus sentimentos e fazer você questionar certezas. Alice Walker vai partir seu coração com a simplicidade de suas palavras enquanto aborda temas como racismo estrutural, agressões à figura do homem negro e reflexos de traumas passadas de geração em geração.

Para os fãs de “A cor púrpura” que ainda não tiveram a chance de ler “A terceira vida de Grange Copeland”, fica a garantia de que vale a pena investir. Esse é o tipo de livro que fica com você mesmo depois de terminado, de uma narrativa tão rápida quanto marcante. Ele te deixará desconfortável, revoltada — e isso é ótimo! Sinal de que mais um trabalho tão necessário tocou na ferida certa.

Título original: “The third life of Grange Copeland”
Autora: Alice Walker
Editora: José Olympio
Número de páginas: 336
ISBN: 978-85-03-01380-2

Seja o primeiro a comentar!

    Deixe seu comentário aqui: